Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Visita à Copo Têxtil

08 Julho 2015
Primeira 1 980 2500
"PRIVILEGIAR A CRIAÇÃO DE EMPREGO É CONDIÇÃO ESSENCIAL PARA DESENVOLVIMENTO DO MUNICÍPIO"


Emprega 150 trabalhadores, a maior parte de Santo Tirso. A multinacional Copo Têxtil tem fábrica em Burgães há cinco anos e, pela primeira vez neste período, recebeu a visita do presidente de Câmara. “´Para nós, é essencial que percebam o que fazemos, as nossas dificuldades, os anseios e as nossas expectativas para o futuro”, valorizou Gilmar Padeiro, administrador da empresa.

Atualmente, 85 por cento dos materiais produzidos pela empresa, na área dos têxteis para o revestimento de diversas peças do interior automóvel, são para exportação. E se há cinco anos, quando a multinacional se instalou em Santo Tirso, “não se sabia o que fazer com a grandeza das instalações”, atualmente o espaço começa a ser pequeno.“Queremos crescer e queremos contar com o apoio da Câmara Municipal”, referiu Gilmar Padeiro.

Joaquim Couto, por seu turno, relembrou o empenho da autarquia em “apoiar as empresas e os investimentos no concelho”. Esta, apontou, “é uma das nossas prioridades. A Câmara está fortemente empenhada em apoiar o investimento e a dar prioridade à criação de emprego”. “Todo o investimento e crescimento é bem-vindo. Ficamos muito satisfeitos com o sucesso das empresas sedeadas no nosso concelho e esta é um bom exemplo de que o tecido empresarial de Santo Tirso tem larga margem de crescimento”, disse o presidente da Câmara, no final da visita, continuando: “Queremos ver replicados investimentos de sucesso no nosso Município e, por isso, criamos um conjunto de mecanismos que se pretende que sejam amigos do investimento. Privilegiar a criação de emprego e exportação são condições essenciais para o crescimento e desenvolvimento do Município”.

“Acredito que o Município de Santo Tirso oferece todas as condições para a instalação e o crescimento das empresas”, enfatizou, enumerando as posições políticas que têm sido assumidas pelo executivo camarário nesta área, como a criação do Invest Santo Tirso – Gabinete de Apoio ao Investidor e a redução ou isenção de taxas e impostos municipais. Por outro lado, acrescentou, “temos uma localização geográfica privilegiada, pois estamos a 15 minutos do Porto e de Braga, a poucos quilómetros da Galiza e servidos por boas autoestradas”.

Acompanhado pelo vereador responsável pelo Invest Santo Tirso, José Pedro Machado, Joaquim Couto visitou, na passada terça-feira, dia 7 de julho, toda a área de produção da Copo Têxtil. “É a primeira vez, desde que nos instalamos no concelho, que recebemos a visita de um governo local”, congratulou-se o administrador da empresa.

Com 28 milhões de euros faturados em 2014, a Copo Têxtil tem como principais clientes marcas como a Volkswagen, Skoda, Seat, Audi, Renault, Ford, Hyundai, Opel e Nissan. Segundo Gilmar Padeiro, “trabalha-se para quase todos os construtores automóveis, tendo conseguido entrar, este ano, em três novos clientes de gama premium que apresentam bons indicadores de crescimento” Por isso, “a nossa perspetiva é a de crescer”, concluiu.
Partilhar
ColorAdd Icone