Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Câmara entregou diplomas a 80 jovens e adultos que frequentaram formações

30 Setembro 2022

UCRANIANOS ACOLHIDOS EM SANTO TIRSO APRENDERAM PORTUGUÊS

A Câmara Municipal de Santo Tirso assinalou o Mês da Alfabetização e das Literacias com a entrega de diplomas a 80 dos 124 jovens e adultos que frequentaram os cursos de “Português + Perto” para alunos ucranianos, “Português Língua de Acolhimento” para imigrantes, “Informática na Ótica do Utilizador”, “Literacia Digital para Todos” e “Literacia Digital- Sénior Update”.

Após a entrega dos diplomas, o presidente da Câmara de Santo Tirso, Alberto Costa, sublinhou o facto de estes cursos, estarem “em linha com a estratégia municipal que tem sido desenvolvida no sentido de garantir a inclusão e a literacia de toda a população”.

Alberto Costa destacou a aposta do Município de Santo Tirso numa “educação para todos e ao longo da vida”, realçando “o papel dos centros Qualifica de Santo Tirso e Vila das Aves, que são determinantes na construção de pontes entre os mundos da educação, da formação e do emprego, numa aprendizagem constante”.

“Continuamos a criar sinergias e esforços para que ninguém fique para trás, porque as pessoas são a nossa prioridade”, disse o autarca, assumindo o compromisso de “manter a forte aposta na formação e na aprendizagem ao longo da vida para, por um lado, aumentar o grau de qualificação dos nossos munícipes e, por outro, reforçar a sua capacitação digital”.

Alberto Costa realçou, ainda, o “importantíssimo papel” desempenhado pelos jovens mentores, alunos da Escola Profissional do INA, que foram formadores no curso “Literacia Digital – Sénior Update”.

Entre os formandos a quem foram entregues diplomas, destaque para 13 jovens alunos ucranianos acolhidos em Santo Tirso, que frequentaram o primeiro curso “Português + Perto”, promovido pelo Município com o objetivo de facilitar a sua integração.

Foram, também, entregues diplomas a 25 formandos dos cursos “Português Língua de Acolhimento”, dirigido a cidadãos estrangeiros residentes no concelho. Estas formações decorreram no âmbito de parcerias entre a Câmara Municipal, a Oficina da Escola Profissional do INA e o Centro Qualifica de Santo Tirso (Escola Secundária Tomaz Pelayo).

Na sessão, foram, ainda, entregues diplomas a um total de 42 seniores que completaram os cursos de “Informática na Ótica do Utilizador”, do Centro Qualifica de Vila das Aves (Agrupamento de Escolas D. Afonso Henriques), “Literacia Digital para Todos”, do Centro Qualifica de Santo Tirso em parceria com a Câmara Municipal, e “Literacia Digital – Sénior Update”, da Oficina do INA.

O jovem Guilherme Granjo foi o porta-voz dos mentores na sessão, afirmando que, ao longo dos seis meses de formação, foi possível ensinar, mas também, “aprender algumas coisas” com os seniores.

“O ‘Sénior Update’ é mais do que um projeto de sensibilização digital”, disse, acrescentando que o curso esteve focado em cinco temas essenciais: segurança na internet, pesquisas no Google, distinção entre notícias falsas e verdadeiras na net, utilização das redes sociais e realização de videochamadas.

Já a venezuelana Yasmin Rebullen Quijada, que frequentou o curso de “Português Língua de Acolhimento”, destacou a importância desta formação e, de forma emocionada, agradeceu a oportunidade proporcionada.

Jaime Paulo, professor e formador da Escola Secundária Tomaz Pelayo, sublinhou, por seu turno, a motivação demonstrada pelos alunos seniores que frequentaram a formação de Literacia Digital para Todos. “É gente interessada em aprender e não ficar longe desta revolução digital que estamos a viver”, disse, acrescentando que, “no final, é interessante ver o à-vontade com que já lidam com as tecnologias”.

Partilhar
ColorAdd Icone