Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Biblioteca Municipal assinala centenário de José Saramago com teatro e concerto

16 Novembro 2022

ATIVIDADES DECORREM A 19 E 25 DE NOVEMBRO, COM ENTRADA GRATUITA

A Biblioteca Municipal de Santo Tirso dedica a programação do mês de novembro a José Saramago. Teatro, concertos e sugestões de leitura assinalam o mês de aniversário do escritor português, nascido há cem anos.

“Mas não subiu para as estrelas, se à terra pertencia”, lê-se no final de Memorial do Convento, provavelmente a obra mais emblemática de José Saramago, e lê-se no meio da calçada, diante da Casa dos Bicos, no Campos das Cebolas, em Lisboa, junto à oliveira ali plantada após a morte do único prémio Nobel da Literatura português, em 2010. Se fosse vivo, José Saramago estaria a celebrar cem anos.

Porém, o legado do autor mantém-se vivo e atual – e essa pertinência molda a programação de novembro na Biblioteca Municipal de Santo Tirso, que apresenta vários espetáculos e sugestões de leitura, para miúdos e graúdos, inspirados nas mensagens que a obra de Saramago ainda hoje transmite.

Já neste sábado, 19 de novembro, chega “O Menino e o Rio”, espetáculo para crianças a partir dos três anos para ver gratuitamente. Interpretado pelos atores Tiago Duarte e Paulo Santos, parte dos textos “O silêncio da água” e “A maior flor do mundo” e chega a Santo Tirso depois de passagens por várias salas portuguesas.

“Na aldeia de Azinhaga, em casa da avó Josefa, dorme o menino embalado nos sonhos. Na arca azul onde se guardam as favas, forrada a recortes de jornal, as palavras despertam o desejo indiscreto de saber”, conta a sinopse do espetáculo criado pela Estação das Letras.

“De caderno e lápis na mão sai o menino todos os dias e, rio acima, rio abaixo junto às margens onde a água encontra a terra, navegam as histórias que um dia serão memórias”, acrescenta a descrição de uma peça que não fala apenas para os mais novos.

“Não creio que exista no mundo um silêncio mais profundo que o silêncio da água. As pessoas dizem que o menino saíra da aldeia para ir fazer uma coisa que era muito maior do que o seu tamanho e de que todos os tamanhos”, continua a sinopse do espetáculo com cerca de 45 minutos, que pode ser vista a partir das 10h30.

A entrada é grátis, mas para assistir, é necessária inscrição prévia, através do email servicoeducativo@cm-stirso.pt ou do telefone 252 833 428. As inscrições estão limitadas a 20 crianças, acompanhadas por um adulto.

Na sexta-feira, 25 de novembro, às 21h00, a programação já não é apenas para crianças e todos são convidados a conhecer “Levantei-me do Chão – Lado B”, um concerto-teatral de Carlos Marques. Trata-se, na verdade, de uma versão reduzida e simplificada estética e tecnicamente do espetáculo LEVANTEI-ME DO CHÃO, estreado em outubro de 2015.

Num concerto informal, contam-se algumas histórias do livro Levantado do Chão, de José Saramago, e cantam-se músicas inspiradas não só nele, mas também em nomes como Zeca, Zé Mário Branco, Fausto, Sérgio Godinho entre outros.

Também de entrada gratuita, deve ser feita inscrição através do email servicoeducativo@cm-stirso.pt ou do telefone 252 833 428.

Para além dos espetáculos, durante este mês, a Biblioteca Municipal de Santo Tirso promove sugestões de leitura de obras de José Saramago para crianças, jovens e adultos.

José Saramago nasceu a 16 de outubro de 1922, na aldeia de Azinhaga, na Golegã. Em 1998, recebeu o mais importante prémio da literatura mundial, o Nobel. Três anos antes, recebera o Prémio Camões, o mais relevante da literatura lusófona.

Partilhar
ColorAdd Icone