Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

MIEC recebe exposição inédita de Reinhard Klessinger

08 Outubro 2020
Cmst nail 740x400px 08 10 20 1 980 2500

INAUGURAÇÃO DE “ROUND AND ABOUT” DECORRE ESTA SEXTA-FEIRA PELAS 19H30

Inaugura esta sexta-feira, 9 de outubro, no Museu Internacional de Escultura Contemporânea (MIEC) a exposição “Round and About” do multifacetado artista alemão Reinhard Klessinger. No total, vão poder ser vistas mais de 30 obras entre desenhos, esculturas, pinturas e vídeo-instalações, até 24 de janeiro.

“Será a primeira inauguração no MIEC desde o início da pandemia e estamos muito entusiasmados por termos conseguido montar esta importante exposição de um artista que tem já uma relação de longa data com Santo Tirso, cumprindo, naturalmente, todas as regras de segurança e diretrizes da Direção Geral de Saúde”, refere o presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Alberto Costa.

Nas salas do MIEC, Klessinger exibirá obras de todos os seus diferentes períodos criativos e produtivos. O trabalho está ligado por um círculo (imaginário), que não tem um centro determinado mas que continuamente revela novos pontos de referência.

Conhecido por trabalhar em áreas de fronteira, já em 1969 Reinhard Klessinger incorporava projeções de slides, filmes e vídeos nos seus trabalhos de escultura. O reflexo, com os seus múltiplos aspetos, é um dos temas explorados pelo artista que trabalha preferencialmente com materiais refletores, como espelhos, zinco, vidro e esmalte. O escultor fomenta o surgimento de situações que provocam reflexão, desde o simples reflexo do espelho até às ideias mais complexas.

Desde de 1991, a escultura A natureza da pedra”, de Klessinger, faz parte do espólio do MIEC, estando localizada junto à Praça 25 de Abril.

Sobre Klessinger

Reinhard Klessinger nasceu em 1947, em Hochschwazwald, Alemanha. Em 1965 estudou pintura com René Acht e escultura com Johannes Burla e René King na Escola de Artes Aplicadas de Basel. Entre 1966 e 1968 foi aluno de pintura de Rupprecht Geiger na Academia Nacional de Artes de Dusseldorf, e nos dois anos seguintes, de 1968 a 1970, com uma bolsa do Serviço Alemão de Intercambio Académico para Inglaterra, estudou escultura na St. Martin’s School of Art, Londres, no departamento dirigido por Barry Flanagan e Anthony Caro. Em 1970, na Academia de Artes de Dusseldorf, foi aluno de mestrado de Rupprecht Geiger. Entre 1972 e 1973 estudou Filosofia na Universidade de Dusseldorf. Klessinger expõe individualmente desde o início dos anos 70, tendo participado em diversas exposições individuais e coletivas, bem como em simpósios de escultura pública e residências artísticas. A sua obra – esculturas ou instalações que se relacionam com o espaço que ocupam – caracteriza-se pela combinação de materiais como o vidro, os espelhos, a pedra, o papel ou a chapa de zinco, e o artista desenvolve também um significativo trabalho com livros, tomando-os e concretizando-os enquanto objetos artísticos ou livros de artista. É membro da Associação Alemã dos Artistas e da Associação de Artistas de Baden-Wuerttemberg. Atualmente vive e trabalha em Ihringen, Friburgo, Alemanha.

Partilhar
ColorAdd Icone