Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Câmara tem ajudado a criar oportunidades de emprego

16 Junho 2016
Img 1341 1 980 2500

DIRETORA DO INSTITUTO DE EMPREGO DE SANTO TIRSO E TROFA ELOGIA POLÍTICAS MUNICIPAIS

Santo Tirso está em contraciclo, no que diz respeito à dinamização económica e crescimento de emprego. Quem o disse foi o presidente da Câmara Municipal, Joaquim Couto, numa sessão destinada a jovens desempregados. Uma facto confirmado pela Diretora do Centro de Emprego de Santo Tirso e Trofa, Isabel Cruz, ao sublinhar a “vitalidade” que se está a sentir no Município. “Tenho de destacar o papel que a Câmara de Santo Tirso tem tido, na prática de medidas de empreendedorismo e investimento no concelho”, elogiou.

A Fábrica de Santo Thyrso recebeu, esta manhã, a apresentação da primeira sessão “Garantia Jovem” no Município. Promovida pelo IEFP – Centro de Emprego de Santo Tirso, com o apoio da autarquia, a iniciativa pretendeu acompanhar e dar resposta às necessidades profissionais dos jovens desempregados do concelho.

Em declaração aos jornalistas, Joaquim Couto garantiu que a Câmara vai continuar a consolidar as políticas municipais de emprego e de investimento, até porque “Santo Tirso está numa situação de contraciclo em relação à média nacional”.

De acordo com o presidente da Câmara, o concelho tem assistido “a uma pujança ao nível de investimento, que se reflete nas empresas que têm procurado Santo Tirso para se estabelecer, mas também nas existentes no Município e que têm continuado a investir, para crescer”.

“Todo este processo cria postos de trabalho e promove o desenvolvimento. A prova é que no final do ano passado houve uma diminuição de 20% na taxa de desemprego do concelho, e o meu convencimento é que continue a descer”, realçou.

Exatamente na missão de reduzir a taxa de desemprego no concelho, Isabel Cruz elogia o papel que a Câmara de Santo Tirso tem desempenhado. “Quem emprega não é o Instituto de Emprego, mas sim os empresários, a força e a vitalidade do concelho. Nesse aspeto, tenho de destacar o papel que a Câmara Municipal tem tido, na prática de medidas de empreendedorismo e investimento no concelho, nomeadamente no INVEST Santo Tirso, porque essas medidas têm dado excelentes condições aos empresários para se alocarem aqui, o que garante mais oportunidades de emprego”, elogiou a diretora do Centro de Emprego de Santo Tirso e Trofa.

Para Joaquim Couto, o programa “Garantia Jovem” permitirá uma maior dinâmica na procura de emprego pelos jovens do concelho, uma vez que vem “consolidar as parcerias anteriores da Câmara Municipal e do Instituto de Emprego”.

No terreno, continuou, “temos uma situação privilegiada, porque através das freguesias e dos serviços municipais, podemos conseguir uma colaboração estreita, entre o contacto com os desempregados e os investidores”.

A “Garantia Jovem” destina-se a jovens com menos de 30 anos de idade, desempregados, que não se encontrem nem a trabalhar nem a estudar ou a frequentar qualquer tipo de formação. Os interessados podem entrar no portal oficial da iniciativa e inscreverem-se.

“Os jovens podem inscrever-se neste portal, por sua própria iniciativa, porque é fundamental que também tenham proatividade. Esta será uma rede de respostas, que vai além do IEFP, e o compromisso que nós temos é o de que, ao fim de quatro meses após a sua inscrição, o jovem seja integrado em educação, formação, emprego ou estágio”, explicou Isabel Cruz.

Esta rede de trabalho envolverá diversos parceiros a nível local, organismos com competências nas áreas da educação, formação, emprego, segurança social e juventude, como o Instituto de Emprego e Formação Profissional, o Instituto da Segurança Social ou a Direção Geral do Ensino Superior. Estes parceiros vão articular-se de forma a encaminhar os jovens para as soluções mais adequadas, de acordo com as suas expetativas e necessidades.

Partilhar
ColorAdd Icone