Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

CLAS

De acordo com o Decreto-Lei n.º 115/2006, de 14 de Junho, o Conselho Local de Ação Social (CLAS), presidido pela Câmara Municipal, é um órgão que desempenha um papel crucial no desenvolvimento social de cada concelho.
 
Em Santo Tirso, o CLAS foi constituído em Novembro de 2002, quando ainda estava em vigor a Resolução de Conselho de Ministros n.º 197/97, de 18 de novembro, que criara a Rede Social. Desde então, a sua importância e o papel que tem vindo a assumir junto do tecido institucional tirsense tem crescido de forma notória.
 
A certificá-lo está a expansão do número de entidades que o compõem, que neste momento ultrapassa as 90, quando em 2002 não chegavam à meia centena. A importância do CLAS é cada vez mais reconhecida pelas diversas entidades do concelho, numa clara afirmação dos benefícios de um trabalho realizado em parceria.

O CLAS de Santo Tirso rege-se por um regulamento interno (aprovado em 02.01.2018), baseado nas normativas em vigor no Decreto-Lei supracitado.
 
Sendo um órgão deliberativo, nestes sete anos de funcionamento destacam-se os pareceres técnicos emitidos para vários projetos e/ou candidaturas apresentados pelas instituições do concelho.
 
Este é um facto tanto mais importante, quando devemos recordar que os pareceres técnicos do CLAS são obrigatórios em projetos/programas de solidariedade social. 
 
Entidades do CLAS de Santo Tirso:
 
 
Núcleo Executivo
Na estrutura da Rede Social, o Núcleo Executivo é o órgão que operacionaliza as deliberações do CLAS. De acordo com o Regulamento Interno do CLAS, é o Núcleo Executivo que emite pareceres técnicos aos projetos/candidaturas apresentados pelas diferentes entidades do concelho, tendo por base uma grelha de critérios para apreciação dos mesmos.
 
O Núcleo Executivo reúne sempre que necessário (num mínimo de quatro reuniões anuais), de acordo com as ações a realizar no seio da Rede Social. São 7 as entidades que o compõem:
 
  • Câmara Municipal de Santo Tirso;
  • Centro Distrital de Segurança Social;
  • Centro de Emprego de Santo Tirso;
  • Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares -Direção de Serviços da Região Norte;
  • Junta de Freguesia de Vila Nova do Campo;
  • Irmandade da Santa Casa da Misericórdia de Santo Tirso;
  • Casa de Acolhimento Sol Nascente.
 
A este propósito, deve realçar-se o facto da Câmara Municipal de Santo Tirso e do Centro Distrital de Segurança Social serem parceiros obrigatórios no Núcleo Executivo, aos quais se junta sempre uma instituição particular sem fins lucrativos. Os restantes parceiros são eleitos pelo CLAS, de dois em dois anos.
 
Sistema de informação
O sistema de informação da Rede Social de Santo Tirso tem vindo a ser criado e permanentemente atualizado desde a elaboração do Diagnóstico Social, em 2004. Trata-se de um sistema composto por indicadores de diversa índole, que permitem o acesso facilitado por parte do tecido institucional e da população em geral aos conteúdos mais relevantes da ação social concelhia.
 
São exemplo disso o próprio Diagnóstico e a divulgação e distribuição de material informativo em ações de sensibilização e/ou informação. 
 
No sentido de atualizarmos e enriquecermos esse sistema de informação, agradece-se o envio de toda a informação considerada importante para redesocial@cm-stirso.pt.
 
 
Avaliação da Rede Social
 
No âmbito do plano de ação de 2015, o CLAS de Santo Tirso passou a contemplar no seu funcionamento um mecanismo de avaliação da sua atividade, através da administração de um questionário de satisfação aos seus parceiros. Os resultados podem ser consultados nos relatórios que disponibilizamos em baixo.
 
 
Partilhar
ColorAdd Icone