Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Colocação de luminárias LED vai reduzir fatura energética municipal em 50%

06 Abril 2016
Joaquim couto assistiu aos trabalhos em vila das aves 1 980 2500

CÂMARA DE SANTO TIRSO VAI ALARGAR MEDIDA A TODO O CONCELHO

O presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Joaquim Couto, acompanhou esta terça-feira os trabalhos de substituição das luminárias com lâmpadas tradicionais por tecnologia LED, em Vila das Aves. A freguesia é uma das que integra o conjunto de substituições por todo o concelho, que permitirá uma poupança anual de 190 mil euros na fatura energética municipal.

Depois de ver aprovada uma candidatura de cerca de 500 mil euros pelo Programa Temático de Valorização do Território (POVT), a Câmara Municipal de Santo Tirso já tem em marcha a substituição de cerca de 2400 luminárias com lâmpadas convencionais por tecnologia LED, mais amigas do ambiente e da eficiência energética. A medida surge com a preocupação, por parte do executivo municipal em adotar medidas amigas do ambiente e em reduzir a fatura energética municipal.

Com um custo anual que abrange os 260 mil euros, os gastos com as 2400 luminárias LED passarão a ser de 70 mil euros/ano, ou seja, uma poupança que atingirá os 190 mil euros anuais.

“Esta substituição faz parte de um projeto que iniciamos neste mandato, com o objetivo de poupança de energia elétrica em todo o município, e que nos permitirá uma poupança de 50 por cento na fatura energética municipal. Numa fase inicial, conseguimos colocar cerca de 2400 luminárias, que distribuímos pelo concelho, da qual uma acentuada percentagem coube a Vila das Aves, e que irá abranger um investimento de cerca de 600 mil de euros”, explicou o presidente da Câmara Municipal, Joaquim Couto.

Para além de Vila das Aves, serão 11 as freguesias abrangidas nesta primeira fase, com conclusão de trabalhos prevista para 15 de abril. O processo será depois alargado a todo o concelho, o que permitirá a colocação total de 19 mil luminárias por todo o Município, num segundo investimento que rondará os 4,5 milhões de euros.

A fatura energética de Santo Tirso está estimada em mais de dois milhões de euros, um milhão e 250 mil euros dos quais com iluminação pública. Segundo o autarca, para além da poupança energética, o alargamento de iluminação LED a todo o concelho permitirá ainda uma melhoria na segurança de pessoas e bens. “Não só substituiremos as luminárias que atualmente existem, como colocaremos outras em alguns pontos das freguesias que necessitam de iluminação pública, e que foram desligadas em 2011, aquando do aumento do valor do IVA pelo anterior governo”, concluiu.

Partilhar
ColorAdd Icone