Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Santo Tirso ganha mais de um milhão em financiamentos

20 Março 2015
Fc1 1 980 2500

A Câmara Municipal de Santo Tirso assinou sexta-feira, 20 de março, contratos de financiamento comunitário no valor de 1,3 milhões de euros, destinados à requalificação de equipamentos desportivos do concelho, nomeadamente no Parque Urbano da Rabada e na Piscina Municipal. Para o presidente da autarquia, Joaquim Couto, “trata-se de investimento importante para o Município”, graças ao esforço da Câmara em captar apoios financeiros de fundos comunitários.


O projeto para o Parque Urbano da Rabada tem como finalidade melhorar as condições desportivas naquele espaço, com a criação de um novo campo de jogos que visa aumentar a oferta existente na área do desporto e, por consequência, potenciar a prática desportiva local.

Dos quase 1,7 milhões de euros necessários para a concretização do projeto, a Câmara Municipal de Santo Tirso conseguiu uma comparticipação de cerca de meio milhão de euros, no âmbito do FEDER. “Um dos objetivos da autarquia é potenciar a coesão local e urbana pelo reforço dos serviços coletivos de proximidade, como é o caso da área desportiva do Parque Urbano da Rabada”, realçou Joaquim Couto.

Outro dos contratos de financiamento assinado na sexta-feira na Fundação Cupertino de Miranda, no âmbito do ON2, envolve uma comparticipação de 800 mil euros de fundos comunitários para a requalificação da piscina municipal, contemplando a remodelação dos balneários, bem como a remoção de barreiras arquitetónicas para adaptação a utilizadores com mobilidade condicionada.

Numa altura em que o Poder Local vive períodos de asfixia financeira, advoga Joaquim Couto, “este é um incentivo importante”. No fundo, a Câmara de Santo Tirso ”tentou aproveitar a verbas que ainda existiam do anterior quadro comunitário, ao mesmo tempo que estamos a preparar as candidaturas para o próximo”. Por outro lado, acrescenta o presidente da autarquia, “as aprovações das nossas candidaturas ficam, também, a dever-se a um correto saneamento financeiro das contas municipais no primeiro semestre de 2014”.

A par dos contratos assinados, o Município de Santo Tirso conseguiu, desde o início 2014, mais de cinco milhões de euros de financiamento comunitário. São disso exemplo os projetos de requalificação do Museu Municipal Abade Pedrosa / Museu Internacional de Escultura Contemporânea, a requalificação da Zona Industrial de Fontiscos e a gestão da iluminação pública em Santo Tirso.

Por outro lado, a Câmara Municipal conseguiu desbloquear, ainda, o projeto de requalificação do campo de jogos da União Desportiva e Social de Roriz, conseguindo obter o financiamento para a execução da obra.
Neste momento, estão em fase de tramitação cerca de um milhão de euros em projetos candidatados a fundos comunitários.

Fc1 1 980 2500
Partilhar
ColorAdd Icone