Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Câmara de Santo Tirso aprofunda relações com o mercado colombiano

06 Julho 2018
Reuni o 1 980 2500

“Estou muito impressionada com o dinamismo do ecossistema empresarial do Município”. Foi desta forma que a presidente executiva da Câmara de Comércio Luso Colombiana, Rosário Marques, resumiu a visita a Santo Tirso, esta terça-feira, a convite da Câmara. Já para o presidente da autarquia, Joaquim Couto, a posição geoestratégica da Colômbia, a familiaridade linguística e a simbiose com a estratégia do Município de criação de emprego altamente qualificado são os motivos que justificam o aprofundamento dos laços com este mercado sul americano, que conta com a mão-de-obra mais qualificada da região.

Uma comitiva da Câmara de Comércio e Indústria Luso-Colombiana, liderada pela presidente Executiva, Rosário Marques, visitou, esta terça-feira, o Município de Santo Tirso. O encontro com o presidente da Câmara de Santo Tirso realizou-se na Fábrica de Santo Thyrso, espaço que Rosário Marques considerou “ímpar no país, com condições de excelência para a promoção do empreendedorismo e criação de novas empresas”.

A comitiva da Câmara de Comércio teve oportunidade de conhecer duas empresas do Município com forte vocação exportadora. A CSM Bakery Solutions é líder internacional na indústria da panificação e conta com mais de 200 colaboradores na unidade instalada em Santo Tirso, de onde saem diariamente milhares de muffins e loaf cakes para as principais multinacionais e pontos de venda internacionais.

Já a Gierlings Velpor, dedicada à produção de veludo e peles sintéticas, teve em 2017 um volume de negócios de oito milhões de euros e exporta 90 por cento da sua produção. No final, a presidente da Câmara de Comércio e Indústria Luso Colombiana confessou-se “muito impressionada com o dinamismo do ecossistema empresarial do Município”. Rosário Marques elogiou ainda a aposta de Santo Tirso na inovação e na atração de investimentos que criem emprego qualificado.

Joaquim Couto assinalou, por outro lado, o forte empenho do Município e do INVEST Santo Tirso em “continuar a aproximar as empresas destes parceiros, que são fundamentais para o apoio no processo de exportação e internacionalização”.

O presidente da Câmara destacou o impacto económico que a ação do INVEST Santo Tirso tem tido no concelho, contribuindo para o crescimento de 22,5 por cento do volume de exportações, para a descida de 37,79 por cento da taxa de desemprego e para a criação de perto de 600 empresas, desde a criação deste Gabinete de Dinamização Económica, em maio de 2015.

A presidente executiva da Câmara de Comércio Luso-Colombiana teve ainda oportunidade de conhecer o potencial turístico do concelho de Santo Tirso, setor que tem motivado o interesse e investimento de empresários deste país sul americano.

Reuni o 1 980 2500
Partilhar
ColorAdd Icone