Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Câmara garante ementas saudáveis em todas as escolas de Santo Tirso

05 Março 2018
Visita escola b sica da ermida 1 980 2500

PROJETO-PILOTO ENGLOBA EMENTAS COM FRUTOS SECOS, FIAMBRE DE AVES, PÃO COM POUCO SAL, ATUM EM ÁGUA

"Santo Tirso tem caraterísticas únicas, com uma liderança que possui a visão de que os municípios têm funções e responsabilidades em termos de hábitos de vida saudáveis dos seus cidadãos”. Foi desta forma que o secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Araújo, elogiou o projeto-piloto “Alimentação Saudável” que arrancou esta segunda-feira nas 36 escolas do Município de Santo Tirso. Na ementa constam frutos secos, como nozes e avelãs, fiambre de aves, pão de centeio, ovo cozido, atum em água ou fruta.

A Câmara Municipal de Santo Tirso arrancou com um programa de alimentação saudável nas cantinas de todos os estabelecimentos de ensino do pré-escolar e do 1º ciclo do concelho. A medida está inserida no projeto “Alimentação Saudável” que o Ministério da Saúde quer implementar no resto do país.

Numa visita à Escola Básica da Ermida, o presidente da Câmara de Santo Tirso, Joaquim Couto, e o secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Araújo, participaram no lanche da manhã dos alunos. Pão com pouco sal, nozes e laranja fizeram parte da ementa. “Estamos a falar de um programa que envolveu a constituição de uma equipa multidisciplinar, com fiscalização rigorosa das dietas dos nutricionistas, procurando otimizar a educação nas escolas para a alimentação saudável”, explicou Joaquim Couto.

A questão da educação, segundo o presidente da autarquia, é essencial, tanto mais que “normalmente são os filhos quem chama a atenção para colocar o cinto de segurança, para não fumar, ou para não beber”. “São eles, muitas vezes, os embaixadores das boas práticas na família", observou.

Considerando que “este é um bom exemplo” que “deve ser replicado em vários municípios”, o secretário de Estado Adjunto e da Saúde espera que com este projeto seja possível “mudar a forma como as famílias olham para a alimentação saudável”.

"Olhamos, cada vez mais, para a saúde não só na vertente curativa, mas, sobretudo, na vertente preventiva, de modo a alterar os hábitos de vida dos portugueses, para que vivam mais anos, com mais saúde e mais felizes e isso começa nestas crianças", enalteceu Fernando Araújo.

Também a bastonária da Ordem dos Nutricionistas, Alexandra Bento, elogiou a iniciativa da Câmara de Santo Tirso, realçando que a nova ementa das escolas “é claramente mais equilibrada e saborosa, apetecível e de acordo com as tradições e com a produção local".

"Há uma consciencialização que é também preciso fazer-se em casa. É preciso mudar a mentalidade, organização e um projeto destes não é estático, é contínuo e de se envolver os pais na alteração de hábitos alimentares", defendeu.

Visita escola b sica da ermida 1 980 2500
Partilhar
ColorAdd Icone