Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Cores de África no Centro Cultural Municipal de Vila das Aves

08 Janeiro 2018
Leonorsousa 1 980 2500

EXPOSIÇÃO “ÁFRICA MINHA”, DE LEONOR SOUSA, DECORRE DE 13 DE JANEIRO A 24 DE FEVEREIRO

Entre 13 de janeiro e 24 de fevereiro, o Centro Cultural Municipal de Vila das Aves acolhe a exposição “África Minha”, da pintora Leonor Sousa. Através de óleo, acrílico e muitas vezes usando as próprias mãos como instrumento, a pintora traduz na sua obra um conjunto de cheiros, cores e sons que despertam os sentidos.

“África, conjunto de cheiros, cores e sons que despertam os sentidos, não deixando indiferente quem por lá passa”. É assim que a pintora Leonor Sousa define o continente que serve de tema à exposição “África Minha”, patente no Centro Cultural Municipal de Vila das Aves de 13 de janeiro a 24 de fevereiro.

Através da pintura e de uma forma eclética, Leonor Sousa inspira-se em tendências diversificadas, usando como técnica os mais diversos materiais, pois quer a óleo, quer a acrílico nos transmite os seus pensamentos e sentimentos, tendo os pincéis ou mesmo as próprias mãos como instrumento. A sua técnica vai desde o figurativo ao abstrato, sem nunca deixar de transmitir a sua mensagem e não recusando ou limitando a inovação nem o experimentalismo.

Leonor Sousa nasceu em Vagos a 30 de abril de 1961 e concluiu o ensino secundário na área das Artes do Liceu Dr. Manuel Laranjeira em Espinho, cidade onde cresceu. Desde a adolescência que a sua intuição, gosto e curiosidade fizeram-na despertar para o mundo das artes, em particular a pintura.

O seu currículo conta já com várias exposições, algumas individuais, outras coletivas, tanto em Portugal como lá fora, nomeadamente França, Itália, Suíça, Espanha e Brasil. Toda a sua obra resulta num tributo invulgar que comunga com o espírito de solidariedade, contribuindo através da sua arte para a desmistificação de uma justiça e liberdade mais igualitária, sem esquecer o seu intrínseco lado feminista.

A entrada é gratuita, aberta ao público em geral.

Partilhar
ColorAdd Icone