Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Inauguração da nova ligação Viária em Vila Nova do Campo

20 Junho 2016
Img 1725 1 980 2500

PRESIDENTE DA CÂMARA DE SANTO TIRSO NA INAUGURAÇÃO DA NOVA LIGAÇÃO VIÁRIA EM VILA NOVA DO CAMPO:

“ESTAMOS A MELHORAR A QUALIDADE
DE VIDA DAS PESSOAS”

O presidente da Câmara Municipal de Santo Tirso, Joaquim Couto, e o presidente da Junta de Freguesia de Vila Nova do Campo, Marco Cunha, inauguraram no passado sábado a ligação viária da Travessa da Quelha e Rua de Marecos. O investimento, de 80 mil euros, surge como alternativa à estrada municipal e ligação à VIM, há muito esperada pela população local.

Apesar de não ser uma obra com um investimento avultado, como reconheceu Joaquim Couto, a intervenção revela-se de “extrema importância” para a população. ”É uma obra que economiza tempo, quer no trânsito rodoviário, quer no trânsito pedonal. E é isso que a Câmara Municipal tem vindo a fazer, dar prioridade a investimentos estruturantes e dialogados com as freguesias, para dar respostas úteis e eficazes às pessoas”, realçou.

O tempo, acrescentou o autarca na cerimónia de inauguração, “não é para investimentos megalómanos, mas para investimentos inteligentes e de proximidade, como este, que melhoram significativamente a qualidade de vida da população”.

A obra incluiu a pavimentação da faixa de rodagem com cubos de granito e das zonas de circulação pedonal com pedra-de-chão, bem como a criação e beneficiação das infraestruturas de drenagem de águas pluviais. Esta intervenção permitirá à população local ter uma alternativa à estrada municipal e ligação direta à VIM.

A nova ligação viária está incluída num conjunto vasto de obras de melhoramento das acessibilidades por todo o concelho, que a Câmara de Santo Tirso tem vindo a desenvolver. “São pequenos investimentos e pequenas obras mas que resolvem grandes problemas. Em 2014, decidimos atribuir meio milhão de euros pelas freguesias, em benefício da descentralização e da proximidade de execução deste tipo de obras. Com esse dinheiro e com outras receitas das freguesias, tem sido possível concretizar projetos como este”, explicou aos jornalistas Joaquim Couto.

Já o presidente da Junta de Vila Nova do Campo, Marco Cunha, acentuou a importância da obra para a freguesia. “Esta ligação tem dois simbolismos: o de prolongar o nosso princípio de servir com descentralidade, dado que somos uma freguesia agregada, e o de trazer nova vida a esta zona um bocadinho esquecida, aqui no meio do campo. Para além disso, esta ligação permite a entrada diretamente na VIM, poupando à população local 800 metros de trânsito pela estrada municipal”, explicou.

A médio prazo, a Câmara Municipal prevê investir cerca de 30 milhões de euros, só no melhoramento das acessibilidades, por via de fundos comunitários. Até ao final do mandato e por via do orçamento municipal, a autarquia prevê ainda avançar com a requalificação da rede viária secundária do concelho, num investimento de cerca de 2,2 milhões de euros.

imagem

Partilhar
ColorAdd Icone