Passar para o Conteúdo Principal
siga-nos
FacebookRSSadicionar aos favoritos

Centro Cultural Municipal de Vila das Aves recebe "Noite de Fado"

30 Maio 2016
Olaria 1 980 2500

CARLA CORTEZ SERÁ A PROTAGONISTA DESTE ESPETÁCULO MUSICAL NO DIA 3 DE JUNHO, PELAS 22H00

No próximo dia 3 de junho, pelas 22h00, o Centro Cultural Municipal de Vila das Aves será palco de uma “Noite de Fado”. Carla Cortez será a protagonista deste momento musical tradicional, que sucede a abertura da exposição “Olaria Portuguesa”. A entrada é gratuita.

Carla Cortez sobe ao palco do Centro Cultural Municipal de Vila das Aves, no próximo dia 3 de junho, pelas 22h00. A fadista, natural de Barcelos, será a protagonista de uma “Noite de Fado”, estilo musical que a acompanha desde 2008, quando iniciou a sua vida artística, ainda estudante de Engenharia de Materiais na Universidade de Minho.

Desde então, obteve várias distinções importantes: em 2010 venceu a Grande Noite do Fado de Braga, tendo conquistado, no ano anterior, o 2º lugar no mesmo evento. Durante o seu percurso, teve a oportunidade de partilhar o palco com grandes figuras carismáticas do fado, e protagonizou diversos espetáculos no estrangeiro, em países como Espanha, França e Alemanha.

Em 2013, venceu a 7ª Grande Gala de Fado do Porto, e passou a fazer parte do elenco privativo da casa de fados “Janelas do fado”. Carla Cortez define-se como intérprete e defensora do fado tradicional e tem como principais referências Amália Rodrigues, Maria Teresa de Noronha, João Ferreira Rosa e Fernando Maurício.

No espetáculo em Vila das Aves, Carla Cortez faz-se acompanhar de Miguel Silva, à guitarra portuguesa, António Rodrigues, na viola de fado, e Nuno Campos, no contrabaixo.

No mesmo dia, pelas 21h30, terá lugar a abertura da exposição “Olaria Portuguesa”, que estará patente ao público até dia 27 de agosto. A mostra é composta por peças de loiça utilitária pertencentes aos mais importantes centros oleiros do norte de Portugal. Este tipo de loiça respeita à olaria destinada aos usos domésticos mais comuns, que dava resposta às necessidades familiares.

A olaria é uma das mais antigas atividades humanas, sendo o trabalho desta arte transversal a todo o território português. As obras desta exposição são cedidas pelo Museu de Olaria do Município de Barcelos, e integram loiça preta, loiça polida vermelha, loiça branca e preta, loiça vermelha fosca e loiça vidrada, caraterísticas da região.

A entrada é gratuita.

Partilhar
ColorAdd Icone